Perfect Kiss

Posted in Uncategorized on maio 3, 2012 by musicalibres

O vídeo que ficou faltando do show do New Order. Ainda na memória.

New Order – Perfect Kiss

Posted in Uncategorized on maio 3, 2012 by musicalibres

show do New Order

Posted in Uncategorized on dezembro 4, 2011 by musicalibres

Bt6FVpwatch?v=Bt6FVptpyh0]

Em um show curto, mas empolgante. Emocionante ver Gillian Gilbert nos teclados de novo. A segunda música foi Ceremony, do Joy Division, mas que foi gravada em um single em 1981 pelo recém formado New Order após a morte de Ian Curtis.

O festival de música eletrônica UMF, no Anhembi, na na tarde, noite e madrugada de sábado para domingo teve outros bons shows coma banda belga de rock eletrônico Soulwax, a dupla Mix Hell e da dupla de bateria-e-baixo (às vezes teclado) Death From Above 1979 (pauleira!!!! e um dos melhores shows da noite que funcionou como um ‘espanta patricinha’ do palco Arena).

Também se apresentaram: os brasileiros Copacabana Club, Twelves, Marky, Mixhell, Márcio Vermelho, Rodrigo Vieira, Renato Cohen e Renato Ratier, além dos estrangeiros Rodrigo Arjonas, Laidback Luke, Nero, Alesso, Diplo (solo), Shit Robot, Life is a Loop, MSTRKRFT (outro projeto de Jesse Keeler, baixista do Death From Above 1979) e 2manydjs (o duo dance dos irmãos Dewaele, do Soulwax).

Set list New Order: Crystal, Ceremony, Age of Consent, Bizarre Love Triangle, True Faith, 586, The Perfect Kiss, Blue Monday, Temptation.

Ceremony

This is why events unnerve me

They find it all a different story

Notice whom for wheels are turning

Turn again and turn towards this time

All she ask’s the strength to hold me

Then again the same old story

World will travel oh so quickly

Travel first and lean towards this time

Oh I’ll break them down, no mercy shown

Heaven knows It’s got to be this time

Watching her, these things she said,

Times she cried,

to frail to wake this time

Oh I’ll break them down, no mercy shown

Heaven knows It’s got to be this time

Avenues all lined with trees

Picture me and then you start watching

Watching forever, forever

Watching love grow, forever

Letting me know, forever.

Cerimônia

É por isto que os acontecimentos me tiram de mim,

Eles encontram tudo, uma estória diferente

note para quem giram as rodas,

vira de novo e vira até essa vez,

tudo que ela pede é a força para me segurar,

É então a mesma velha história,

O tempo vai viajar, em tamanha velocidade,

viajar primeiro, e levando até essa vez

Oh, vou quebrá-los, sem mostrar misericórdia,

Deus sabe, tem de ser desta vez,

observando-a, essas coisas que ela disse,

as vezes que ela chorou, frágil em esperar

Oh, vou quebrá-los, sem mostrar misericórdia,

Deus sabe, tem de ser desta vez,

avenidas todas perfiladas de árvores,

imagine me e então começe a assistir

assistir para sempre, para sempre,

assistir o amor crescer, para sempre,

deixando-me saber, para sempre

Young the Giant – “Cough Syrup”

Posted in Uncategorized on novembro 8, 2011 by musicalibres

Depois de outra pausa, o blog está de volta atendendo aos pedidos fantasmagóricos do mundo virtual….

…tragam-me um xarope pra tosse…ohhoh

Little Comets

Posted in Uncategorized on julho 15, 2011 by musicalibres

Quarteto de indie rock formado em Jarrow e Newcastle-upon-Tyne. Em 2009 a banda lançou seu primeiro single, “One Night in October” em download digital e vinil. O som deles recebeu elogios de diversos meios como o da BBC Radio 1.

Johnny Hollow

Posted in Uncategorized on julho 7, 2011 by musicalibres

Johnny Hollow é uma banda de Guelph, Ontario, Canadá. Criada em 2003, Vincent Marcone, Kitty Thompson, Janine White se conheceram quando foram contratados para criar a trilha sonora de um jogo, logo decidiram montar uma banda.

Pony Pony Run Run – “Hey you”

Posted in Uncategorized on junho 16, 2011 by musicalibres

Pony Pony Run Run é uma banda francesa de “power pop” como eles se classificam, ou seja um power trio tradicional, no entanto, fazendo um rock mais próximo do eletrônico. Formada em 2003, a banda é composta por 3 integrantes que se identificam como G (guitarra/voz), A (baixo) e T (teclados).